Vidros de Segurança

Os projetos atuais usam o vidro de diversas formas, em esquadrias, em telhados, móveis e até em pisos e escadas, mas é importante usar o vidro adequado para cada situação. Entenda a diferença entre as diversas opções de vidros de segurança:



Vidros comuns são geralmente usados em caixilhos em móveis ou esquadrias, é importantíssimo lembrar que, em caso de quebra, o vidro comum estilhação em grandes pedaços, sendo perigoso e muito cortante.

Aplicações: janelas, móveis, prateleiras, decoração, etc.




Vidros laminados são considerados vidros de segurança, pois em caso de quebra o vidro não estilhaça, ficando suspenso pela camada de pvb interna. Além de reter os estilhaços a película não expõe o vão aberto em casa de quebra e contém propriedades de proteção UV entre outras qualidades. Aplicações: coberturas, telhados, vitrines, pisos, guarda corpo, sacadas, etc.




Vidros aramados possuem um camada interna de malha metálica que retém o vidro em caso de quebra, proporcionando um substituição do vidro programada sem ter que deixar o vão exposto aberto sem vidro algum, além de proteger quanto aos estilhaços.

Aplicações: esquadrias, guaritas, etc.


Vidros temperados possuem resistência muito maior do que os vidros comuns e além disso, quando quebrado divide-se em pequenos pedacinhos. Uma vez temperado, o vidro não pode ser cortado ou perfurado. Aplicações: box para banheiros, vidros automotivos, esquadrias, vitrines, coberturas, sacadas, etc.




Fonte: Blog do Vidro/ UVB / Cebrace

Nenhum comentário: